Perguntas e
Respostas

 

 

  • O que é um Fundo Harmonizado?
     É um fundo de investimento que obedece às regras consagradas na Directiva Comunitária nº 85/611/CE, do Conselho (Mais detalhe no site da CMVM-Comissão de Mercados de Valores Mobiliários em www.cmvm.pt).
  • O que é um Fundo Não Harmonizado?
    É um fundo de investimento que está autorizado e constituído pela respectiva autoridade de supervisão, não obedece aos requisitos definidos pela Directiva Comunitária nº 85/611/CE, do Conselho (Para mais detalhe consulte o site da CMVM-Comissão de Mercados de Valores Mobiliários emwww.cmvm.pt).
  • O que é a CMVM (Comissão do Mercado de Valores Mobiliários)?
    A CMVM é a Comissão do Mercado de Valores Mobiliários, entidade supervisora e reguladora dos mercados de valores mobiliários e instrumentos financeiros derivados (tradicionalmente conhecidos como “mercados de bolsa”) e da actividade de todos os agentes que neles actuam. Publica, no seu site www.cmvm.pt, os valores diários das UP’s e as carteiras, resumidas e detalhadas, de todos os fundos de investimento domiciliados em Portugal.
  • Como posso subscrever um fundo?
    A subscrição é efectuada através do preenchimento do "Boletim de Subscrição" dirigido à entidade gestora, o qual está disponível nas entidades colocadoras (bancos ou outros locais legalmente previstos e devidamente autorizados) e dentro em breve poderá efecutar esta operação directamente neste site. As UP´s subscritas dão ao Participante o direito de propriedade sobre parte do património do Fundo.
  • Como posso resgatar um fundo?
    O resgate de UP´s parciais ou totais de um fundo é efectuado através do preenchimento de um "Boletim de Resgate" dirigido à entidade gestora, o qual é disponibilizado pelas entidades colocadoras, dentro em breve poderá efectuar esta operação directamente neste site. O crédito é efectuado na conta corrente do subscritor. Caso não seja solicitado o resgate total das unidades, o participante será informado sobre o número de unidades de que ainda dispõe.
  • As operações de subscrição e resgate são feitas com o valor da UP desconhecida?
    Sim. Quer as operações de resgate quer as de subscrição são efectuadas tendo como base o valor da unidade de participação do dia seguinte às respectivas operações. Ou seja, tanto as subscrições como os resgates são feitos com UP desconhecida.

 

 

 

Pesquisa



aguarde

Guias


Guia Financeiro
Guia de Fundos